Imagem: Google

Tarde Te Amei!...

 

Tarde te amei, ó beleza tão antiga e tão nova!

Tarde demais eu te amei!

Eis que habitavas dentro de mim e eu te procurava do lado de fora!

Eu, disforme, lançava-me sobre as belas formas das tuas criaturas.

Estavas comigo, mas eu não estava contigo.

Retinham-me longe de ti as tuas criaturas, que não existiriam se em ti não existissem.

Tu me chamaste, e teu grito rompeu a minha surdez.

Fulguraste e brilhaste e tua luz afugentou a minha cegueira.

Espargiste tua fragrância e, respirando-a, suspirei por ti.

Tu me tocaste, e agora estou ardendo no desejo de tua paz...

 

Santo Agostinho

 

***

Exibições: 672

Tags: oração, santo agostinho

Comentar

Você precisa ser um membro de Itabuna Centenária para adicionar comentários!

Entrar em Itabuna Centenária

Itabuna Centenária é uma rede social

Quer fazer Parceria?

Divulgue nosso banner no seu site! Basta colocar o código abaixo no html!

Entre em contato para parcerias!

egle.sm@hotmail.com

 

 

PATRONO DA RSIC

Jorge Amado

 

© 2014   Criado por Eglê Santos Machado.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço